Nokia Lumia 1020: Impressões após dois meses de uso

Nokia-Lumia-1020

Amanhã vou completar exatos 2 meses de uso do Nokia LUmia 1020 que foi comprado na operadora Vivo na sua versão de 64GB por um preço muito camarada, por conta do uso dos meus pontos e renovação do plano por mais 12 meses. Com centenas de reviews publicados em todo o mundo, resolvi deixar de lado os comparativos e detalhes mais técnicos para abordar mais a experiência de uso, que no final das contas na minha opinião neste momento pode ser mais útil do que mais um texto longo e completo repetindo as mesmas coisas já publicadas por outros sites.

Em primeiro lugar, gostaria de lembrar que atualmente uso um Moto X com Android 4.4, o Lumia 1020 e um iPad 3 e estou realmente satisfeito em poder contar com estes três sistemas operacionais que apresentam seus pontos positivos e negativos, mas de uma forma geral atendem bem a maior parte dos usuários sem nenhum grande problema.

De uma maneira geral o Lumia 1020 é um belo aparelho, com uma tela super sensível e com respostas realmente muito rápidas e com uma resolução satisfatória apesar de não ser Full HD. A bateria está um pouco acima da média e consegue me acompanhar por mais de um dia sem nenhum problema e a velocidade geral do sistema é excelente.

A câmera é muito boa e produz fotos muito boas e o recurso do Zoom é um show a parte e realmente funciona muito bem, mantendo uma qualidade acima da média e muitas vezes comparável a câmeras “de verdade”. Em minhas férias acabei cansando de levar para todo lado a minha câmera Sony NEX – 6, que apesar da excelente qualidade, exigia sempre uma bolsa ou mochila e para bater uma simples foto eu sempre precisava abrir o ziper da bolsa, ligar a câmera, tirar o protetor de lente, bater a foto e depois desligar a máquina, retornar o protetor da lente e guardar a máquina, sem falar que depois ainda precisava salvar as imagens do cartão no tablet ou notebook só para garantir e não correr risco de perder as fotos em caso de acidente, perda ou problemas com o cartão de memória. No meio dos passeios desisti da câmera e passei a fotografar somente com o Lumia 920, que era o celular da época) e as coisas ficaram bem mais simples, pois era só tirar do bolso e bater a foto!

Voltando ao 1020, como sua lente é bem clara, as imagens muitas vezes não precisam de flash quando estou em uma situação de baixa luminosidade, mas eu ainda prefiro as imagens um pouco mais escuras, como as encontradas no Nokia 808 e muitas vezes acabo escurecendo as imagens nas configurações da câmera para conseguir melhores resultados. De qualquer forma, isso é uma questão de gosto pessoal.

Entre os problemas que encontrei no aparelho, gostaria de ressaltar que nenhum deles realmente me incomodou, mas acho que vale a pena comentar para que ninguém fique sem este tipo de informação. O primeiro ponto que me chamou a atenção é o peso do aparelho, que apesar de não ser tão pesado está um pouco acima da média, mas este não nem o problema e sim a distribuição, pois como a lente é pesada e grande o aparelho parece que vai cair das mãos nos primeiros dias de uso por conta deste pequeno desequilíbrio. Depois de comprar um case com o carregamento sem fio senti que o problema desapareceu e ainda eu ganhei um pouco mais de proteção para a lente da câmera, ganhou um pouco mais de peso e volume, mas acho que valeu a pena.

Outro ponto que merece destaque é o aquecimento durante longas sessões de fotos, que acontece mas também não me pareceu nada absurdo, mas o aparelho esquenta mesmo! Para fechar, encontrei uma pequena mancha escura no canto da tela, mas só consigo ver o problema quando estou em um ambiente realmente escuro por algum tempo e quando a foto está preta ou muito escura exatamente nesta região, o que deixa o problema muito difícil de ser identificado. Como na maior parte do tempo eu nem consigo ver o problema e não reparei nenhum aumento da região com o problema, resolvi não levar para a assistência técnica para não ficar sem o aparelho.

Para fechar a lista, o problema das fotos amareladas é real e fica evidente em ambientes mais escuros com o uso do flash, nada que uma edição não resolva, mas não está certo e incomoda bastante. A próxima atualização do sistema resolve este problema, mas até lá teremos que conviver com um mundo um pouco mais amarelo com o uso do flash.

Hoje tenho a maior parte dos apps disponíveis e de uma forma geral o aparelho me atende muito bem, sendo que muitas vezes eu alterno o uso como aparelho principal sem nenhum grande problema. O Lumia 1020 é um belo aparelho e eu recomendo a compra para quem gosta de fotos e busca uma experiência de uso um pouco diferente na encontrada na dupla iOS e Android!

Por conta do meu trabalho no blog e na empresa ainda preciso de um Android ou iOS para testar algumas novidades que não chegam ao Windows Phone, mas para a maior parte dos usuários a plataforma está madura e pode atender muito bem.

P.S.: Bem lembrado pelo leitor Ubirajara, o sistema de notificações ainda perde para o Android e o iOS, mas como mantenho os apps que mais consulto na tela de descanso e dentro da tela principal, consigo conviver com esta limitação. Vale lembrar que uma central de notificações deverá chegar ao Windows Phone nas próximas atualizações.

26 Comments

  1. Alan 08/01/2014
    • rtoledo 08/01/2014
  2. Ubirajara P. Jesuino 08/01/2014
    • rtoledo 08/01/2014
  3. Rodrigo R 08/01/2014
    • rtoledo 08/01/2014
  4. Ubirajara P. Jesuino 08/01/2014
    • rtoledo 08/01/2014
      • Ubirajara P. Jesuino 08/01/2014
  5. Vilde Pinheiro 09/01/2014
    • rtoledo 09/01/2014
  6. Alexandre 09/01/2014
    • rtoledo 10/01/2014
  7. nyrium 09/01/2014
    • rtoledo 10/01/2014
  8. Rogério 21/01/2014
  9. João Zorzetto 24/01/2014
  10. Renato Caveari 18/02/2014
  11. Marcos Oliveira 19/03/2014
  12. Bruce_2000 19/03/2014
    • Rtoledo 19/03/2014
      • Bruce_2000 19/03/2014
  13. Bruce_2000 24/03/2014
  14. Alexandre 07/10/2014
  15. Wanderson Carvalho 07/11/2014
  16. Thiago Toledo 18/02/2016

Leave a Reply