Vale a pena comprar o iPhone 5?

0iphone-5-pretoAntes de falar se vale a pena comprar o iPhone 5 eu gostaria de comentar que apesar de gostar dos aparelhos da Apple e usar um Macbook Pro e um iPad eu não sou exatamente um usuário padrão da marca, pois sempre estou acompanhado de outros aparelhos com o sistema operacional Android, um Windows Phone e até um Symbian com o Nokia 808 PureView, sendo que gosto de ter várias plataformas disponíveis para poder acompanhar a evolução de cada uma delas.

Eu comprei um iPhone 5 quinze na época de seu lançamento e utilizei o aparelho tempo suficiente para poder avaliar os seus prós e contras e contar o que realmente achei do aparelho, que de uma forma geral pode agradar uma boa parcela dos consumidores.

Começando pela parte positiva, o aparelho está mais leve, com uma tela um pouco maior e não possui mais aquele acabamento em vídro na parte traseira, além de estar bem mais rápido, com capacidade de executar tarefas bem pesadas como alguns ótimos games com grande conforto. O desempenho também está muito bom nos aplicativos utilizados para música e de uma forma geral o iPhone 5 está mais rápido e seu uso é bastante agradável.

Quanto aos pontos negativos eu começaria pelo formato da tela, que apesar de estar um pouco maior, ganhando uma linha a mais de ícones de aplicativos ficou muito estreita, o que deixou a mesma confortável no bolso ou nas mãos, pois é possível operar o aparelho com uma única mão, mas na minha opinião não está agradável na navegação e visualização. O material em metal na lateral do aparelho foi uma alteração bem vinda, mas risca fácil assim como as laterais do modelo preto, que sem um case podem ficar marcados em pouco tempo.

A alteração do conector foi uma boa ideia, mas acabou me forçando a comprar mais cabo extra para deixar no trabalho / carro e um adaptador para aproveitar os cabos antigos que tenho em casa, o que além de gerar um custo certamente matou os acessórios de muita gente.

Uma alteração até necessária, mas que gerou um reflexo muito negativo. A alteração do padrão do SIM card também foi um ponto negativo para o meu perfil de usuário, pois como uso vários aparelhos ao mesmo tempo acabei ficando preso com a minha linha de voz no iPhone 5. Neste final de semana passei o dia fora de casa e acabei precisando do GPS, o que me deixou quase sem bateria e sem ter como carregar o aparelho por ter esquecido o cabo em casa, além de não poder contar com a opção de trocar o chip do aparelho para o Nokia 808 PureView que estava com a carga da bateria praticamente completa. Este novo padrão de chip é bom para quem tem somente o iPhone 5, mas quem precisa de mais aparelhos ou passa por uma situação de emergência pode ser um grande problema.

Para finalizar, a interface do usuário que não muda há mais de 6 anos me pareceu ultrapassada, sendo que mesmo com sua excelente velocidade e fluidez, fiquei com a sensação de estar com um aparelho antigo nas mãos, o que para um aparelho tão caro não é nada bom. No final das contas o iPhone 5 foi para a esposa e eu fiquei com o Nokia Lumia 900, o Nokia 808 PureView e vou manter ainda o chamado “Android do mês”, que atualmente é o Motorola RAZR HD, enviado para testes. Nada contra o iPhone 5, mas infelizmente o aparelho não conseguiu me impressionar, mas eu ainda tenho um pouco de esperança de que na próxima versão do iOS o aparelho deixe a velha fórmula para evoluir pelo menos sua interface,  acompanhando a concorrência, que está mais viva do que nunca!

19 Comments

  1. rafaelmota 14/01/2013
  2. Bernardo 14/01/2013
  3. Diego Sansana 14/01/2013
  4. Evandro 14/01/2013
  5. iuryribeiro 14/01/2013
  6. Marcio Teixeira 14/01/2013
  7. Geovane 14/01/2013
  8. Dennis Cardoso 14/01/2013
  9. Robinho Simões 15/01/2013
  10. Carlos Jordan 15/01/2013
  11. Alex 15/01/2013
  12. Mauro R Matos 15/01/2013
  13. Marcio Teixeira 15/01/2013
  14. Richard Fortes 17/01/2013
  15. Cleuton Moreira 17/02/2013
  16. Jessica 27/02/2013
  17. Anna Flávia 14/07/2013

Leave a Reply