Capa da revista TIME mostra uma foto capturada com um iPhone com o app Hipstamatic

Neste final de semana eu visitei um amigo que recentemente viajou para os EUA e deixou uma Canon em casa por conta do peso, tamanho e preocupação de mais um gadget para cuidar e levou apenas um iPhone e uma pequena câmera compacta bem simples para registrar as imagens.

Como as fotos não precisavam de qualidade profissional a escolha foi acertada e os resultados foram excelentes e não ficaram devendo nada em qualidade e nitidez, sendo que na maior parte do tempo o iPhone acabou dando conta do recado sem nenhum problema. Depois de comprar o PureView da Nokia comecei a deixar minha câmera em casa com maior frequência, sendo que hoje só uso a Canon para o trabalho ou em situações onde preciso de um zoom um pouco maior ou velocidade de disparo com múltiplas imagens capturadas em poucos segundos.

Acho que a grande sacada do celular é a possibilidade de contar com uma ótima qualidade de imagens com um equipamento discreto e que pode ser carregado facilmente no bolso por ser compacto e muito leve. Seguindo esta linha de raciocínio é muito mais fácil contar com um celular naquele momento certo do clique do que com uma câmera “de verdade”, e um exemplo interessante disso foi visto na capa da revista Time desta semana, que apresentou uma foto tirada com um iPhone 5 usando o aplicativo Hipstamatic com um resultado interessante, apesar do ruído.

Muito legal ver como a facilidade de uso, compartilhamento e tamanho compacto anda tornando o celular um substituto das câmeras em uma boa parte do tempo.

2 Comments

  1. Rubens 05/11/2012

Leave a Reply