Samsung Galaxy Mini 2: Um Android de entrada pode ser o suficiente

Durante a Campus Party eu conversei com muitos leitores e editores de blogs, e a maioria não pensava em trocar de celular tão cedo, tendo em vista que a maior parte das funcionalidades mais importantes e necessárias podem ser encontradas em qualquer aparelho, desde os modelos de entrada até os mais caros e completos.

A Samsung deve lançar um novo modelo com uma tela de 3.3″ polegadas com 480 x 320 de resolução, Android Gingerbread, processador de 800MHz, dados HSDPA com velocidade de até 7,2 Mbps, uma câmera de 3MP e 3 GB de armazenamento interno. Apesar das características modestas, com exceção da câmera que poderia ter ao menos 5MP, este aparelho não seria suficiente para a maior parte dos usuários com uma boa folga?

Acho que seria interessante repensar um pouco o valor das coisas, avaliando de forma mais prática o real benefício de um aparelho mais top, pois em muitos casos um Android de entrada pode ser o suficiente.

Leave a Reply