That's Racing?

dsc00552.JPGEu convidei o meu primo e grande amigo Marcelo Manna do All Racing – http://www.allracing.globolog.com.br/ para falar sobre F1 no blog. 

Entretanto, as coisas andam meio, digamos, devagar na F1, e as corridas não tem mais a emoção dos últimos anos. Assim, a idéia acabou sendo modificada, então teremos o Marcelo Manna falando de F1, mas também de Moto GP, novidades e curiosidades sobre carros e motos. 

Seja bem vindo ao blog Marcelo!!!

That’s Racing?

Não tenho certeza se Jim Clark foi o primeiro a dizer a expressão “that’s racing”, que traduzida livremente seria algo como “corrida é assim mesmo…”. Mas a expressão costuma ser usada até hoje para explicar, e principalmente para não ter que explicar, acidentes, quebras, complicações e é claro, manobras insólitas, como a que ocorreu no treino classificatório para o GP da Hungria, envolvendo Alonso e Hamilton.

Em um ambiente competitivo é comum que vez por outra alguém se esqueça do tal espírito esportivo, e no calor do momento, faça algo de que se arrependa. Pelo menos oficialmente.Ouvi muita discussão sobre o episódio e muita gente reclamando que o mais chato é que não dá pra saber se o Alonso está falando a verdade, se é que alguém está. Mas não foi a primeira vez e não vai ser a última. Para mim, chato mesmo foi a corrida.

Quando o Rodrigo me pediu pra escrever sobre F1 para o Blog, topei na hora escrever sobre o mundial de Moto GP. Não me entenda mal, eu gosto F1, mas não é fácil escrever alguma coisa interessante sobre um comboio de carros super potentes andando em fila e mantendo distância do carro da frente como se fossem jamantas subindo a serra. Aliás se fossem mesmo jamantas de corrida talvez houvesse mais ultrapassagens.

No Sábado fiquei torcendo por uma corrida emocionante, mas no Domingo quando comecei a assistir ao VT fiquei aliviado. Não porque a corrida tenha sido quase tão divertida quanto uma dor de barriga, e sim porque mais cedo eu havia tomado a sábia decisão de ficar dormindo mais um pouco em vez de acordar pra ver o GP.

O Hamilton está dando um show e merece mais que ninguém ser campeão este ano. Mas não fossem as tais manobras insólitas, as respectivas punições e boatos sobre o destino de Alonso na F1, ninguém teria o que comentar. Ninguém mesmo. Na sua webpage, Alonso tenta amenizar as coisas. Resignado, admite que suas chances no campeonato estão ficando menores e blá, blá, blá…Interessante mesmo, só o anúncio logo na abertura da página que diz: “No vuelvas la vista atrás”. Pois é, vai que o Hamilton está ali parado esperando… Já na WP do Hamilton uma mensagem diz que devido ao desenvolvimento em curso, a abertura do site teve que ser adiada. Seja lá o que isso quer dizer, acho que confirma a ausência de assunto. A melhor definição veio de Heidfeld, terceiro lugar na corrida. No seu site ele diz que não foi fácil correr contra um fantasma, já que não havia ninguém à vista, atrás ou à frente dele.

A próxima corrida só daqui há 3 semanas, não que alguém deva alimentar muita expectativa sobre isso. A F1 precisa urgentemente de mudanças. Talvez tirar uma roda da frente e uma de trás… Mas de novo, tem Moto GP no dia 9! E tristemente este vai ser o único ponto de exclamação deste texto. 

Veja mais textos do Marcelo Manna no blog http://www.allracing.globolog.com.br/.

Leave a Reply