Dinheiro Fácil na Internet com o iPhone e o iPad

Há alguns anos a bola da vez era ter um site na internet, todos precisavam estar na rede e a empresa praticamente não existia se não acompanhasse seus concorrentes entrando neste mercado. Nem sempre os sites são bons, relevantes ou realmente úteis, mas pelo menos eles estavam lá.

Depois chegou a hora das redes sociais e a “necessidade” de estar perto dos consumidores, e as empresas correram para fazer seus blogs corporativos, perfis no Orkut, Facebook e Twitter. Em uma parte considerável das vezes estes canais são utilizados mais como um canal promocional para vendas do que para a conversa e valorização dos consumidores, mas o simples fato de estar nas chamadas Mídias Sociais já deixa a empresa mais humana, moderna e cool.

Com o grande crescimento da Apple e sua App Store os desenvolvedores começaram a trabalhar na criação de aplicativos e games para o iPhone e o iPad, sendo que o dinheiro entrava facilmente com algumas estratégias muito simples de divulgação. Infelizmente a criatividade não é o forte neste mercado, e chegaram ao mercado uma infinidade de aplicativos inúteis e clones que tornaram a App Store um oceano de difícil navegação com uma quantidade de lixo absurdamente grande.

Na sequência as revistas resolveram migrar para os tablets, e mesmo com as notícias de experiências ruins experimentadas pelo mercado americano e sem uma grande comprovação da eficácia deste modelo de negócios, todos correram para publicar neste novo formato.

Com o tempo e a concorrência gigantesca neste mercado de mobilidade eu começo a ver as coisas mudando mais uma vez. Os aplicativos que custam uma fortuna para as empresas são instalados e deletados na velocidade de um clique, e raramente vejo usuários comprando revistas para ler em seus tablets. Apesar de gostar muito mais das revistas em formato digital eu só compro a Wired todos os meses e algumas poucas edições da Veja e da Auto Esporte escolhidas a dedo quando o assunto realmente me interessa.

Hoje muitos aplicativos são abandonados pelas empresas como foi o caso do SuperGuia.TV e tantos outros espalhados pela Web ou apresentam problemas que demoram muito para serem resolvidos, e pelo baixo custo acabam sendo deixados de lado pelos próprios usuários, como é o caso do meu leitor de feeds rss do iPad, que após sua última atualização há vários dias apresenta grande instabilidade e nenhuma correção.

Ao que tudo indica ganhar dinheiro com aplicativos móveis para smartphones e tablets pode começar a ficar difícil em um futuro não muito distante, pois a concorrência está cada dia maior, a criatividade dos desenvolvedores menor e as empresas com certeza vão perceber que o investimento nem sempre pode alcançar o objetivo esperado.

Com o declínio deste mercado, qual será a próxima grande onda no mercado digital? Vamos esperar por algo realmente relevante e interessante!!

4 Comments

  1. Italo 26/04/2011
  2. Alessandro 26/04/2011
  3. Sérgio Ruy 26/04/2011

Leave a Reply